ATUALIZANDO

Terapias alternativas para o

controle da mastite

Fique por dentro, nesta conversa com a biomédica Lívia Castelani, das principais novidades da pesquisa científica e de terapias alternativas para o controle da mastite. Ela é mestre em produção animal sustentável pelo Instituto de Zootecnia de São Paulo, doutora em microbiologia pela USP e pós-doutoranda no Centro de Pesquisa de Bovinos de Leite, do IZ.

Balde Branco: Situação geral do problema da mastite: no seu ponto de vista, quais são os principais problemas causados pela mastite clínica e subclínica?

Lívia - Além dos enor­mes pre­juí­zos finan­cei­ros aos pro­du­to­res e à indús­tria de lác­te­os, como dimi­nui­ção na pro­du­ção e na qua­li­da­de do lei­te, é impor­tan­te enfa­ti­zar que a mas­ti­te é um pro­ble­ma sério para a saú­de dos ani­mais e dos con­su­mi­do­res. O uso inten­si­vo de anti­mi­cro­bi­a­nos no con­tro­le e na pre­ven­ção da mas­ti­te pode resul­tar em sele­ção de bac­té­ri­as resis­ten­tes e gerar resí­du­os de anti­mi­cro­bi­a­nos nos ali­men­tos, oca­si­o­nan­do um pro­ble­ma de saú­de pública.

Para continuar lendo, assine nossa revista

Rolar para cima