Lely chega a 10 mil robôs aproximadores de ração animal no mundo

O mar­co foi alcan­ça­do após ins­ta­la­ção do equi­pa­men­to em fazen­da japonesa

Lely chega a 10 mil robôs aproximadores de ração animal no mundo

A dis­tri­bui­do­ra Lely no Japão ins­ta­lou o apro­xi­ma­dor de ração ani­mal Juno de núme­ro 10 mil. O equi­pa­men­to per­ten­ce à Fazen­da Dre­am Hill, que come­çou em abril com oito robôs Lely Astro­naut A5 e meses depois dupli­cou o núme­ro de orde­nhas ele­trô­ni­cas, além de adqui­rir dois Junos.

A Lely, empre­sa refe­rên­cia no mun­do em solu­ções em auto­ma­ção para as ati­vi­da­des rela­ci­o­na­das ao mane­jo e ins­ta­la­ções de vacas lei­tei­ras, desen­vol­veu o robô Juno em 2008 e três anos depois um segun­do mode­lo, mais com­pac­to e mais atra­en­te do pon­to de vis­ta econô­mi­co, foi adi­ci­o­na­do ao portfólio.

O geren­te de Ven­das da Lely Bra­sil, João Vicen­te Pedrei­ra, expli­ca que os ani­mais em con­fi­na­men­to tem por hábi­to sele­ci­o­nar os ali­men­tos e esse movi­men­to aca­ba espa­lhan­do a die­ta e afas­tan­do do seu alcan­ce. Por isso a ação do robô é impor­tan­te para empur­rar de vol­ta a comi­da para pró­xi­mo dos ani­mais ao lon­go do dia, inde­pen­den­te dos impre­vis­tos que acon­te­cem na fazenda.

“Com o Juno é pos­sí­vel pro­gra­mar a apro­xi­ma­ção do ali­men­to em horá­ri­os deter­mi­na­dos, se encai­xan­do na roti­na da fazen­da da manei­ra que o pro­du­tor achar neces­sá­rio. Essa dis­po­ni­bi­li­da­de con­tí­nua da ração total do cocho influ­en­cia o con­su­mo de maté­ria seca e aumen­ta a pro­du­ção de lei­te. Além dis­so, se com­pa­rar­mos com a for­ma que a gran­de mai­o­ria das fazen­das faz essa tare­fa, com tra­tor, o Juno é bas­tan­te econô­mi­co, pois é a bate­ria”, deta­lha Pedreira.

O pro­du­tor de lei­te, Eze­qui­el Nólio, de Paraí (RS)

Pre­sen­ça de robôs tem cres­ci­do na Amé­ri­ca Latina

Segun­do Pedrei­ra, as ven­das do Juno em paí­ses lati­no-ame­ri­ca­nos estão cres­cen­do subs­tan­ci­al­men­te, na medi­da em que o pro­du­tor rural enten­de como o robô apro­xi­ma­dor de ração pode tra­zer bene­fí­ci­os sig­ni­fi­ca­ti­vos para a sua propriedade. 

“A dis­po­ni­bi­li­da­de cons­tan­te de ali­men­to esti­mu­la o trá­fe­go das vacas e aumen­ta o con­su­mo de maté­ria seca em cer­ca de 4%, espe­ci­al­men­te duran­te à noi­te, além de redu­zir as sobras. Quan­do com­bi­na­do com um robô de orde­nha Astro­naut, o Lely Juno, ao esti­mu­lar o con­su­mo e a ati­vi­da­de dos ani­mais, aumen­ta ain­da a taxa de visi­tas ao robô em 10,9%, ao lon­go do dia. Mais visi­tas resul­tam em mai­or pro­du­ção de lei­te”, con­clui Pedreira.

Fon­te: Asses­so­ria de Comu­ni­ca­ção da Lely

 

Rolar para cima