Lactose na rotulagem de alimentos - Balde Branco

A Anvi­sa-Agên­cia Naci­o­nal de Vigi­lân­cia Sani­tá­ria divul­gou, no dia 9 de feve­rei­ro, duas reso­lu­ções com as novas regras para a rotu­la­gem de pro­du­tos com lac­to­se. Na pri­mei­ra, são defi­ni­das como as infor­ma­ções de lac­to­se devem ser colo­ca­das no rótu­lo, inde­pen­den­te­men­te do tipo de ali­men­to. A segun­da reso­lu­ção inclui os ali­men­tos para die­tas com res­tri­ção de lac­to­se no regu­la­men­to de ali­men­tos para fins especiais.

A obri­ga­to­ri­e­da­de da cita­ção vale para ali­men­tos com mais de 100 mili­gra­mas de lac­to­se para cada 100 gra­mas ou mili­li­tros do pro­du­to. Nes­se caso deve­rá con­ter a expres­são “Con­tém lac­to­se”. O limi­te é enten­di­do como segu­ro para as pes­so­as com into­le­rân­cia à lac­to­se. Os lati­cí­ni­os, assim como outras empre­sas de ali­men­tos, têm 24 meses para se adap­tar à nova regra.

Rolar para cima