Girolando vira marca de lácteos - Balde Branco

Os quei­jos e lác­te­os fei­tos a par­tir de lei­te de vacas Giro­lan­do ago­ra pode­rão tra­zer em seus rótu­los a indi­ca­ção de que são fabri­ca­dos com lei­te de pro­ce­dên­cia de reba­nhos bovi­nos pre­do­mi­nan­te­men­te da raça. A Asso­ci­a­ção Bra­si­lei­ra dos Cri­a­do­res de Giro­lan­do lan­çou em dezem­bro o pro­je­to de licen­ci­a­men­to da mar­ca G, que traz ain­da no rótu­lo a indi­ca­ção “Pro­du­zi­do com lei­te Giro­lan­do – A raça lei­tei­ra tro­pi­cal do Brasil”.

A expec­ta­ti­va é de que a mar­ca agre­gue valor aos pro­du­tos já que a asso­ci­a­ção é uma das mai­o­res enti­da­des de pecuá­ria do Bra­sil, com atu­a­ções na área de gené­ti­ca e regis­tro ani­mal até no Exte­ri­or. “A raça Giro­lan­do é uti­li­za­da tan­to em pro­je­tos pecuá­ri­os de alta pro­du­ção lei­tei­ra quan­to nas peque­nas pro­pri­e­da­des. Por isso temos de valo­ri­zar e pro­mo­ver quem acre­di­ta na raça e pro­duz den­tro das nor­mas sani­tá­ri­as”, comen­tou Jona­dan Ma, pre­si­den­te da asso­ci­a­ção. Os inte­res­sa­dos em licen­ci­ar seus pro­du­tos com a mar­ca Giro­lan­do devem entrar em con­ta­to com a asso­ci­a­ção, email: girolando@girolando.com.br e tel (34) 3331–6000.

Rolar para cima