Captação de leite continua em queda - Balde Branco

Segun­do os dados divul­ga­dos pelo IBGE, a cap­ta­ção de lei­te no ter­cei­ro tri­mes­tre de 2016 foi de 5,8 bilhões de litros, 2,6% infe­ri­or quan­do com­pa­ra­do a este mes­mo perío­do de 2015. No acu­mu­la­do de janei­ro a setem­bro, a cap­ta­ção de lei­te apre­sen­tou que­da de 4,9% em rela­ção ao mes­mo perío­do de 2015, com um total de 16,9 bilhões de litros de lei­te cap­ta­dos, uma que­da de cer­ca de 867 milhões de litros em rela­ção ao ano passado.

Os dados mos­tram que, devi­do às altas de pre­ços que ocor­re­ram na meta­de do ano, a cap­ta­ção de lei­te apre­sen­tou um cená­rio de menor retra­ção do que nos dois pri­mei­ros tri­mes­tres do ano. Enquan­to a que­da na cap­ta­ção des­te ter­cei­ro tri­mes­tre em rela­ção ao mes­mo tri­mes­tre de 2015 foi de 2,6%, as que­das no pri­mei­ro e segun­do tri­mes­tres do ano havi­am sido de, res­pec­ti­va­men­te, 4,5% e 7,8%.

Com mais este tri­mes­tre de que­da, a cap­ta­ção de lei­te do Bra­sil com­ple­tou oito tri­mes­tres con­se­cu­ti­vos em retra­ção. Ao ana­li­sar o desem­pe­nho de cap­ta­ção das regiões bra­si­lei­ras, em uma com­pa­ra­ção a este mes­mo tri­mes­tre do ano pas­sa­do, ape­nas a região Sul apre­sen­tou leve alta, de 0,8%. As regiões Nor­des­te e Cen­tro-oes­te, por outro lado, apre­sen­ta­ram que­das mais sig­ni­fi­ca­ti­vas, de 10,7% e 6,6% respectivamente.

Rolar para cima