fbpx

  A asso­ci­a­ção soli­ci­ta uma medi­da emer­gen­ci­al con­tra o sur­to pre­da­tó­rio das impor­ta­ções de lácteos

Entidades da cadeia produtiva do leite pedem suspensão imediata das importações de lácteos

Na reu­nião da últi­ma sex­ta-fei­ra, 5, da Câma­ra Seto­ri­al da Cadeia Pro­du­ti­va do Lei­te e Deri­va­dos, com a pre­sen­ça da minis­tra Tere­za Cris­ti­na e sua equi­pe, o setor deba­teu medi­das para socor­rer os pro­du­to­res que enfren­tam um momen­to econô­mi­co e soci­al mui­to delicado.

Em sua mai­o­ria, o cole­gi­a­do for­ma­do por 35 ins­ti­tui­ções do setor, enten­deu como impe­ra­ti­vo esta­be­le­cer medi­da emer­gen­ci­al para fre­ar o sur­to das impor­ta­ções de lác­te­os do Mer­co­sul, que, des­de setem­bro de 2020, pre­ju­di­ca a cadeia produtiva.

Além dis­so, há outros fato­res que agra­vam a cri­se do setor: a come­çar pelo for­te aumen­to gene­ra­li­za­do das cota­ções de insu­mos, em espe­ci­al para o milho e o fare­lo de soja, que gerou uma ele­va­ção sem pre­ce­den­tes no cus­to de pro­du­ção ao lon­go de toda cadeia pro­du­ti­va. Outro pon­to de pre­o­cu­pa­ção é a  retra­ção no mer­ca­do dos prin­ci­pais deri­va­dos lác­te­os (lei­te lon­ga vida, quei­jo muça­re­la e lei­te em pó), que ocor­re devi­do ao for­te des­com­pas­so entre a ofer­ta e a demanda.

Para enfren­tar a caó­ti­ca con­jun­tu­ra, as lide­ran­ças apre­sen­ta­ram à Minis­tra um plei­to indi­can­do a sus­pen­são ime­di­a­ta das impor­ta­ções de lác­te­os da Argen­ti­na e do Uru­guai, até que os seto­res pro­du­ti­vos do Bra­sil e dos paí­ses vizi­nhos esta­be­le­çam tra­ta­ti­vas de con­vi­vên­cia mútua.

Como medi­da equi­ta­ti­va, as enti­da­des suge­ri­ram tri­bu­tar os lác­te­os impor­ta­dos, da mes­ma for­ma que o açú­car bra­si­lei­ro é tri­bu­ta­do para entrar em paí­ses do Mer­co­sul, sobre­tu­do na Argentina.

A expec­ta­ti­va é que a Minis­tra do Mapa leve o plei­to do setor ao Pre­si­den­te da Repú­bli­ca para rever­ter ime­di­a­ta­men­te os danos cau­sa­dos pelos sur­tos de importações.

Fon­te: Abraleite

Rolar para cima