Governo apoia CCPR na compra da Itambé

  • 8 de novembro de 2017

A CCPR-Cooperativa Central dos Produtores Rurais de Minas Gerais negocia o apoio do governo estadual para concluir a aquisição da parcela de 50% das ações da indústria de laticínios Itambé que pertenciam à Vigor Alimentos, do grupo JBS. Uma vez concretizado, o negócio vai permitir, de fato, que a marca Itambé volte às suas raízes, já que a CCPR detém a outra metade do capital da empresa.

Segundo notícia publicada no jornal Estado de Minas, o governo mineiro informou estar disposto a ajudar na transformação da Itambé, novamente, numa empresa 100% mineira. “O governo confirma a disposição a ajudar a CCPR, importante cooperativa do setor, através, por exemplo, de linhas de financiamento disponíveis no Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais”, diz a nota. Além de suas linhas próprias de empréstimo, a instituição repassa recursos do BNDES-Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social.

Ao anunciar, no mês passado, que passaria a deter 100% das ações da Itambé, a CCPR informou que o negócio significa o fortalecimento da indústria de laticínios. “A CCPR defende condições vantajosas para o fornecimento de leite e uma valorização positiva das ações da Itambé, visando o fortalecimento das cooperativas associadas e produtores rurais”, destacou na nota.