Cercamento elétrico preserva a onça-pintada e evita ataque a bovinos no Pantanal

  • 23 de outubro de 2019
Cercamento elétrico preserva a onça-pintada e evita ataque a bovinos no Pantanal

A Belgo Bekaert Arames tornou-se parceira da ONG Panthera, instituição que trabalha na preservação de mais de 40 espécies de felinos no mundo, incluindo a onça-pintada no Pantanal.

O projeto envolve a avaliação da eficácia do cercamento elétrico de uma propriedade da ONG (Fazenda Jofre Velho, Pantanal Norte; Poconé-MT) contra o ataque a bovinos pelas onças-pintadas no Pantanal e também em propriedades pecuárias de outras regiões do País.

Para este projeto, foram eletrificados três piquetes nas proximidades da sede da fazenda, em área de 20 hectares. Nesses piquetes são mantidos grupos de animais mais vulneráveis, como bezerros recém-desmamados.

“As cercas elétricas representam um eficaz meio não letal para evitar o confronto entre os produtores rurais e as onças-pintadas”, observa Guilherme Vianna, gerente de negócios da Belgo Bekaert Arames, e Elias Pelachim, responsável técnico da Speed Right Cercas Elétricas, também parceira do projeto.